Gente X Poder

Gente & Poder

| 17/12/2014 - 00:01

Preocupação
Se as denúncias envolvendo a eleição da Mesa da Câmara deixaram alguns preocupados, imagine quem madrugou ontem lá pros lados do Centro de Eventos Ismael Sperafico. O local concentrou cerca de 200 policiais e dezenas de viaturas da Operação Testa de Ferro, que a partir do final da madrugada saíram para cumprir dezenas de mandados de prisão.
--------------------
Sob fiança
O vereador Eudes Dallagnol, solto da 20ª SDP na noite de domingo, agradeceu na sessão da Câmara Municipal na noite de segunda-feira à sua família e amigos, que precisaram juntar R$ 20 mil de sua fiança em uma hora e conseguiram em 30 minutos a partir das pessoas que indicou. Segundo ele, às 18h o dinheiro estava lá, emprestado por amigos.
--------------------
Muita água
Disse que não tem raiva de Neudi Mosconi, autor da denúncia, que talvez tenha sido usado ou talvez tivesse a intenção de outra coisa. Eudes comentou ainda da fala de Walmor Lodi, sobre a mudança da água para o vinho na Câmara Municipal, dizendo que “vai rolar muita água nisso” e o nome do vereador também vai aparecer em alguns locais por aí.
--------------------
Postura
O vereador Renato Reimann, ex-presidente da Câmara e decano entre os edis, também foi à tribuna na sessão de segunda-feira falar dos fatos do final de semana. Ele disse que a segunda-feira foi um dia bastante polêmico, tendo ido almoçar às duas horas devido à sessão de eleição da Mesa da Câmara. Apontou ainda os “fatos bastante estranhos que não gostaríamos que se repetisse aqui na Casa e também lá fora”, afirmando que “temos que procurar sempre fazer a coisa certa, temos que ter coerência, honestidade e ter postura”, afirmou o vereador.
--------------------
Sem surpresa
Rogério Massing parabenizou Ademar Dorfschmidt por conquistar o apoio dos opositores no último momento da eleição da Mesa da Câmara, chegando a 17 votos. Lembrou os 30 dias em que ficou afastado da Câmara e saudou o “compadre Chumbinho”, que assumiu no período.
--------------------
Atuação
Rogério disse que, ao contrário de vereadores e de parte da imprensa, não teve nenhuma surpresa com a atuação do suplente tucano. Rogério apontou que conhece “a sua pessoa, sua idoneidade e acima de tudo sua capacidade”, lembrando que Chumbinho foi diretor quatro anos no governo José Carlos Schiavinato juntamente com Delmar Hoffmann.
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Gente X Poder'

Três perguntas aos gestores de Toledo, se é que podem me responder?

Voos que não vêm!

Beto Richa cancela vinda a Toledo

Nota de esclarecimento, do esclarecimento.

Toledo tem 12 casos de dengue

Agricultor vai produzir energia renovável – Linha Tatu

Decretos vão aumentar impostos em Toledo

Improbidade administrativa

Obras mal feitas dá condenação

O lixo, das praças!

Mais Destaques
"Dirigiu bêbado e foi pego, ANOTE AI: é crime sem fiança! A pena mínima é de CINCO ANOS de reclusão, perde a careteira de motorista definitivamente e essa pena NÃO se pode converter mais em prestação de serviços, ou seja, vai ficar PRESO! "
(Governo Federal)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)