Social

Social

| 20/12/2016 - 00:01

“O que é a felicidade além da simples harmonia entre o homem e a vida que ele leva?” (Camus)
Aniversariantes do dia:
Altaides Antonio Fornari, Luis de Marchi, Ivan Schneider
“AS ESTRELAS E OS COMETAS”
Sempre, sempre nessa época do ano comemoramos a presença daqueles que são preciosos em nossas vidas – parentes, amigos, amores ... Mas percebemos também que pessoas ‘riscaram os céus’ em alguns de nossos dias – passaram e não deixaram muito. Nem festejos, nem lamentações, Apenas passaram, simples assim !! E, lendo uns textos, escolhi o que segue, de autoria de Reinilson Câmara:
“Há pessoas estrelas e há pessoas cometas... Os cometas passam. Apenas são lembrados pelas
datas que passam e que retornam. As estrelas permanecem. O sol permanece. Passam
anos, milhões de anos, e as estrelas permanecem.
Gente cometa
Há muita gente cometa. Passa pela vida da gente apenas por instantes. Gente que não prende ninguém e a ninguém que se prende. Gente sem amigos, gente que passa pela vida sem iluminar, sem aquecer, sem marcar presença.
Gente estrela
Importante é ser estrela. Estar junto. Ser luz. Ser calor. Ser vida. Amigo e Paixões são estrelas. Podem passar anos. Podem surgir distâncias, mas a marca fica no coração.
O coração
Coração que não quer enamorar-se de cometas, que apenas atraem olhares passageiros.
Ser cometa é
Ser cometa é ser companheiro por instantes, explorar os sentimentos humanos, ser aproveitador das pessoas e das situações, fazer-se acreditar e desacreditar ao mesmo tempo.
Solidão
Solidão é resultado de uma vida cometa. Ninguém fica, todos passam.
Um mundo de estrelas
Há necessidades de criar um mundo de estrelas. Todos os dias poder contar com elas e poder sentir seu calor.
Os amigos estrelas
Assim são os amigos estrelas na vida da gente. São coragem nos momentos de tensão. São luz nos momentos de desânimo.
A recompensa de ser uma pessoa estrela
Ser estrela neste mundo passageiro, nesse mundo cheio de pessoas cometas, é desafio, mas acima de tudo uma recompensa.
Recompensa de ter sido luz para muitos amigos, ter sido calor para muitos corações, ter nascido e vivido e não apenas existido.”
O ‘resumo da ópera’
A solidão de muitos é a consequência de uma vida de ‘cometa’. Ninguém fica, todos passam uns pelos outros. Há uma necessidade de criar um mundo de ‘estrelas’. Aqueles com os quais podemos contar todos os dias, ver a sua luz, sentir o seu calor. Assim, são os amigos ‘estrelas’ na nossa vida. São presença, são coragem nos momentos de tristeza, são luz na escuridão, são segurança no desânimo. Ser ‘estrela’ neste mundo passageiro, neste mundo de ‘cometas’, é um desafio mas também uma recompensa. É nascer, e ter vivido, e não apenas existir.
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Social'

Princesa do Japão visita o Paraná

Curso Criança Arco Íris reúne em Toledo participantes de três estados

Cascavel e Foz recebem Camerata Antiqua de Curitiba

Sai o resultado final do segundo edital do Profice

Abertas as inscrições para a seleção do FERMOP

Feicoop bate recorde de público com 302 mil visitantes

Atores e dançarinos de Toledo terão chance de se profissionalizarem

MON realiza homenagem a Carlos Eduardo Zimmermann

Pandora: Sua história contada em berloques

Um momento para respirar!

Mais Destaques
"Chegamos ao 15 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo. Aqui se propaga - 45 9.91339499"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)