Artigos

Quanto custa um aluno nas Universidades públicas paranaenses?

Pery shikida | 30/06/2017 - 22:20

Quanto custa um aluno nas Universidades públicas paranaenses?

Há anos faço pesquisas em estabelecimentos penitenciários pelo Brasil afora e constato veementemente que três grandes travas morais são imprescindíveis para uma pessoa migrar (ou não) para a criminalidade, quais sejam: família, religião e escola! Se este “tripé” (basilar para o equilíbrio humano) estiver fragmentado, o crime é um dos destinos para muitas dessas pessoas, sobretudo, de jovens.
Quando vejo alguns governos (cita-se o governo Beto Richa) discutindo quanto custa um aluno nas universidades, vejo uma miopia que não tem tamanho. A pergunta não deveria ser feita assim, creio... Deveria ser feita assim: quanto uma pessoa, com curso superior, pode contribuir para a sociedade? E isto, frisa-se, também é controverso. Mas me permitam divagar. Se o seu pai e/ou mãe, em um estado de saúde crítico, e um médico, formado pela nossa Unioeste, salvar a vida dele(a), quanto você estaria disposto a, monetariamente, agradecer por este ato? Este médico teve que se formar, sim, e com gastos públicos, e pessoais também! Quanto você, empresário, estaria disposto a pagar por uma salvadora consultoria econômica que tirasse sua empresa de uma situação crítica inconteste? E por aí vai...
Voltando ao assunto das minhas pesquisas na cadeia, em recente estudo feito com 171 (que número heim!) pessoas presas em um complexo penal de renome no contexto carcerário, constatei 56% dessas pessoas com ensino fundamental, 37% com ensino médio e 7% do ensino superior... Vários argumentos estão atrelados à condição desses presos (nossos estudos são públicos, sugiro sua leitura); porém, certamente não entrar para uma universidade em muito contribuiu (e contribui) para que nossos jovens migrem para atividades criminosas (do ponto de vista econômico, tráfico, roubo, furto, etc., não estou considerando aqui os crimes de homicídio, tortura, etc.)...
Então, quando você pensar quanto custa um aluno em todas as fases educacionais, e não só na universidade, lembre-se que existe outro setor (ilícito, infelizmente), ávido por cooptar este jovem, de um futuro profissional minimamente digno, isto com todos os problemas do mercado de trabalho no Brasil, para um inconsequente mundo de crimes, cujo estrago para a sociedade já remonta a 5,4% do PIB (dados do colega e pesquisador exímio, Daniel Cerqueira).
Meus caros colegas do FB, em situações de indagações equivocadas (como a de quanto custa um aluno nas Universidades públicas do Paraná?) e, pior, usando da má fé para manipular dados e o público incauto, há grupos que evidentemente ganham com isso. Outrossim, se minha mãe, Dona Dinah, com seu ensino fundamental, estivesse viva, diria: “tudo farei para que meu filho se torne um profissional formado, pois quem não investe em educação não sabe qual o custo da ignorância!” Reflitam sobre isto!
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Artigos'

Jesus viu uma grande multidão e teve compaixão

Sustentabilidade e reeducação

Uma abertura comercial inteligente

Eles estão surdos

O Poder e o Povo

Uma agenda a favor do Brasil

Aeroportos: Muito na frente de nosso tempo

A ameaça do “não voto”

Contratação de refugiados pode ser vantagem competitiva para os negócios

Jesus enviou os apóstolos em missão

Mais Destaques
"Chegamos ao 15 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo. Aqui se propaga - 45 9.91339499"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)