Cultura

7 bons motivos para “turistar” ou estudar na Nova Zelândia

| 08/09/2017 - 22:00

7 bons motivos para “turistar” ou estudar na Nova Zelândia

Conhecida pelas opções de atrações radicais e natureza exuberante, a Nova Zelândia está na lista dos destinos internacionais mais almejados pelos brasileiros que desejam viajar para o exterior ou fazer intercâmbio. Para se ter uma ideia, o país já serviu até cenário para grandes sucessos de bilheteria, como “O Senhor dos Anéis”, “O Hobbit” e “Avatar”.

O consulado do país chegou a divulgar que, somente em 2016, mais de 13 mil brasileiros visitaram a Nova Zelândia , que também é conhecida como Terra dos Kiwis, em homenagem a um pássaro típico da região.
Além de paisagens incríveis, diversas atrações turísticas e ótima gastronomia, o destino conta com boa relação custo e benefício, já que, de acordo com a agência de viagens CVC, o dólar neozelandês é 25% mais em conta que o americano.
Auckland
A cidade é a mais popular entre os brasileiros. Segundo a Education New Zealand, cerca 60% dos turistas que vão ao país escolhem Auckland como principal destino para visitar. O local é o grande centro financeiro do país e como toda grande metrópole conta com variedade de comércio, lazer, restaurantes, feiras de artesanato e outras atrações. Além disso, é bem multiculturalista.
Brasileiros não precisam de visto
Para passar até três meses no país você não precisa tirar o visto com antecedência, e como as férias geralmente duram até um mês, essa será uma preocupação a menos. Porém, vale lembrar que ao desembarcar será preciso comprovar que você tem condições financeiras para permanecer no país – sendo necessário cerca de NZD 1.250 por mês, por pessoa. Também será preciso mostrar que já possui passagem de volta e a reserva do hotel.
Natureza exuberante
A diversidade natural é, sem dúvidas, um dos grandes chamarizes do país. O turista vai se deparar com praias, montanhas, florestas, fiordes, geleiras e planaltos vulcânicos das ilhas. Mas não vá pensando que o país se resume a isso. Há também opções de passeios culturais, locais históricos e muito mais.
Estudo e trabalho em uma mesma experiência
Com tantas opções de lazer e custo benefício, o país começou a fazer sucesso entre as pessoas que fazem intercâmbio, e para incentivar ainda mais a vinda de estrangeiros, desde 2014, é possível ter permissão para trabalhar enquanto estuda. Para conseguir a permissão, é preciso estar matriculado em um curso de no mínimo 14 semanas com carga horária de 20 horas semanais. Também é possível fazer a solicitação se foi fazer um curso de ensino superior.
Se você gosta de esportes radicais, a Nova Zelândia é o destino mais indicado! A cidade é chamada por muitos como a terra do bungee jump, pois só na cidade de Queenstown há sete locais para salto e as alturas variam de 41 a 134 metros. Você encararia?! Fora isso, ainda tem a opção de realizar paraquedismo, esqui, rafting, rapel, escaladas, alpinismo, mountain bike, esportes aquáticos, rugby e cricket. Opções não faltam!
Fonte: Turismo - iG @ http://turismo.ig.com.br/destinos-internacionais/2017-09-03/nova-zelandia.html
Galeria de fotos
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Cultura'

Toledo realiza Festival de Música Gospel

UNILA lança obra crítica sobre Ferreira Gullar e Thiago de Mello

Abertas inscrições para Dia Internacional da Animação

Oficina de Escrita Criativa

Toledo participa da 16ª Semana de Museus

Cidades paranaenses recebem cursos de capacitação do MinC

Público prestigia ‘Cão sem Plumas’ no Teatro Municipal

Alfredo Andersen ganha exposição em Foz do Iguaçu

MON inaugura a mostra “Paisagens Construídas”

Semana especial para o Museu Willy Barth

Mais Destaques

Regional

Caciopar apoia caminhoneiros e pede ajustes na máquina pública

Economia

Nível da atividade industrial volta a cair em abril, aponta CNI

Estado

Saúde e Defesa Civil se unem para garantir atendimentos

Cidade

Morre Luiz Ari Bernardt

Artigos

Como você “educa” sua equipe?

Gente X Poder

Projeto desmonte

AgroGazeta

Paralisação dos caminhoneiros reflete nas atividades de cooperativas

"ultrapassamos os 14 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo em 3 anos. Aqui sua propaganda, propaga - 45 9.91339499"
(Leitores)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)