Regional

UBSs terão atendimento noturno para exame preventivo e solicitação de mamografia

| 06/10/2017 - 21:00

UBSs terão atendimento noturno para exame preventivo e solicitação de mamografia

Durante o Outubro Rosa, mês de conscientização e prevenção ao câncer de mama, a Secretaria de Saúde de Maripá terá atendimento personalizado para atender o público feminino. A partir da próxima terça-feira (10), as Unidades Básicas de Saúde (UBS) abrirão às 19h, seguindo um cronograma estabelecido de acordo com a demanda de cada UBS.
O atendimento noturno no Centro de Saúde de Maripá será nos dias 10, 16, 18, 24 e 26 de outubro. A UBS do distrito de Pérola Independente atenderá no dia 23 e em Candeia, dia 25 de outubro. O atendimento deverá ser agendado com antecedência na unidade mais próxima. Nestes dias, serão realizados os exames preventivos ginecológicos e solicitação de mamografia.
De acordo com a secretária de Saúde, Andreia Bento Maria Scudeller, os exames e agendamentos serão realizados normalmente durante o dia. “A preferência é que os horários noturnos sejam ocupados pelas mulheres que trabalham em horário comercial. O objetivo é ampliar e facilitar o acesso deste público aos serviços, para que a campanha atinja todas as mulheres do município”, destaca.
A campanha é realizada em parceria com vários setores da sociedade, envolvendo o poder público, voluntários, comércio local, entidades afins, profissionais de saúde e a população, em geral.
A programação do Outubro Rosa iniciou na segunda-feira (2), com a palestra “Empoderamento feminino e autocuidado”, ministrada pela enfermeira da Secretaria de Saúde, Lissa Konrath. O evento foi realizado no Centro Comunitário Fernando Daniel Schanoski e contou com a participação de mais de cem mulheres maripaenses, que aproveitaram a oportunidade para agendar os exames preventivos.
DADOS – Depois dos cânceres de pele do tipo não melanoma, o câncer de mama é o mais incidente em mulheres no Brasil e o que mais mata. A informação é do Instituto Nacional de Câncer (INCA).
Já o câncer de colo de útero é o quarto tipo mais comum entre as mulheres, excetuando-se os casos de pele não melanoma. Ele é responsável por 265 mil óbitos por ano, sendo a quarta causa mais frequente de morte por câncer em mulheres.
O diagnóstico precoce, identificado a partir dos exames ginecológicos e mamografia, aumentam as chances de tratamento e cura. No Brasil, a recomendação é que mulheres entre 50 e 69 anos façam uma mamografia a cada dois anos.
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Regional'

Sicredi repassa doação à APAE de M. C. Rondon

Apicultores do Oeste devem cuidar de apiários no frio

Bens inservíveis da prefeitura de Marechal Rondon serão leiloados

Investigações de postagens no Facebook, em Cap. Leônidas Marques

Rondonenses recebem equipamentos de saúde

“União faz a vida” desenvolve leitura e horticultura em Maripá

Agricultores recebem equipamentos em Maripá

Ex-vereador de Foz é condenado por panfletagem indevida

Empreendedores do Oeste podem participar de processo de incubação de empresas

MP propõe julgamento de Vereadora de Foz do Iguaçu

Mais Destaques
"Chegamos ao 15 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo. Aqui se propaga - 45 9.91339499"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)