Economia

Correios reajustam preço do serviço de despacho postal

| 05/02/2018 - 20:30

Correios reajustam preço do serviço de despacho postal

Desde ontem (5), o despacho postal será reajustado de R$ 12 para R$ 15. De acordo com os Correios, o valor do serviço não sofreu nenhuma alteração desde a sua implantação, em outubro de 2014. “Na área de encomendas, os Correios concorrem com empresas privadas e o cálculo do reajuste é baseado na variação dos custos, nas tendências do mercado e na evolução do cenário comercial de livre concorrência”, informou a empresa.
O despacho postal é o valor pago pelos importadores em razão da prestação dos serviços de suporte postal e apoio administrativo às atividades de tratamento aduaneiro (entrada e saída de mercadorias, em aeroportos e fronteiras). O valor tem o objetivo de cobrir os custos com o processo de recebimento dos objetos, a inspeção de raio X, armazenagem, o recolhimento dos impostos, a comunicação com destinatário e remetente, além da devolução da encomenda quando o destinatário não faz o pagamento dos tributos.
Desde 22 de janeiro de 2018, todas as encomendas internacionais cuja declaração de importação for registrada na plataforma eletrônica Minhas Importações estarão sujeitas à cobrança do serviço de despacho postal, independentemente de serem tributadas pela Receita Federal.
Minhas Importações
De acordo com os Correios, em dezembro de 2017, foi concluída a implantação do novo modelo de importação, criado em parceria com a Receita Federal. Agora, os três centros internacionais da empresa, no Paraná, Rio de Janeiro e em São Paulo, utilizam a nova plataforma eletrônica de desembaraço aduaneiro.
Com isso, os órgãos de controle fazem as fiscalizações de forma automática, e o consumidor pode interagir eletronicamente durante todo o trâmite, enviando documentos complementares, solicitando revisão de tributos e realizando o pagamento dos impostos e serviços pela internet, de forma simplificada. Assim, cumpridas as exigências fiscais e aduaneiras de forma eletrônica, os Correios podem entregar a mercadoria diretamente no endereço do destinatário.

    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Economia'

Nível da atividade industrial volta a cair em abril, aponta CNI

Planejamento vai desbloquear R$ 2 bi para ministérios

Cide será zerada para reduzir preço dos combustíveis, diz Maia

Confiança do Consumidor chega a menor nível desde outubro, diz FGV

Gasolina e diesel ficam mais caros, enquanto preço do etanol cai

Índice de confiança da indústria recua em maio pela segunda vez

Pesquisa revela que consumidor está cauteloso

Subutilização e desalento no mercado de trabalho bate recorde, mostra IBGE

Economia do Brasil contrai 0,13% no 1º tri

Alta do dólar não preocupa, diz secretário do Tesouro

Mais Destaques

Estado

Saúde e Defesa Civil se unem para garantir atendimentos

Regional

Caciopar apoia caminhoneiros e pede ajustes na máquina pública

AgroGazeta

Paralisação dos caminhoneiros reflete nas atividades de cooperativas

Cidade

Morre Luiz Ari Bernardt

Gente X Poder

Projeto desmonte

Artigos

Como você “educa” sua equipe?

"ultrapassamos os 14 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo em 3 anos. Aqui sua propaganda, propaga - 45 9.91339499"
(Leitores)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)