Gente X Poder

Toledo está perdendo empresas

| 14/02/2018 - 18:30

Toledo está perdendo empresas

O assunto é muito sério, como todos que tratamos nessa coluna. Não temos a pretensão de derrubar gestores públicos, nem ser oposição, pretendemos apenas, fazer o nosso papel enquanto imprensa, ou seja, levar a público o que efetivamente acontece em nosso município, no interesse de ver o melhor para o cidadão toledano, em especial o desenvolvimento econômico com a geração de mais empregos doa a quem doer. No assunto de hoje, pincelar as dificuldades que as empresas estão tendo junto a setores da prefeitura para conseguirem agilidades nas liberações de documentos já conclusos que ficam travados nos departamentos e que, os próprios secretários não conseguem resolver devido à falta e a ausência de gestão.
Toledo está perdendo empresas I
Vamos começar relembrando do frigorífico Casagrande do distrito de Novo Sarandi, que foi fechado em fevereiro de 2017, mesmo depois de seus proprietários terem realizado todas as melhorias e adequações necessárias, o departamento de vigilância levou 100 dias para se manifestar, contudo, sem efetividade ou conclusão, pois, apenas informaram que havia uma nova LEI nacional que a empresa precisava se adequar também a ela, sem sequer chamá-los para uma conversa de esclarecimentos. Poderiam ter informado que está liberado o abate de bovinos, porém, para ovinos e suínos, apenas após a empresa fazer as adequações exigidas por essa nova lei, que surgiu no decurso do processo. Pior mesmo, foi saber que, a responsável pela análise dos documentos, tirou férias, licenças e compensou horas sem que tenha outra pessoa para fazer o trabalho, o que demonstra total descaso dos órgãos fiscalizadores e de seus “comandantes”.
Toledo está perdendo empresas II
Dando sequência a esses desmandos, ainda no distrito de Novo Sarandi, outro episódio cremos que seja ainda mais grave, advêm de conversas oficiais acerca da grande possibilidade de aquele distrito perder outra empresa, a Frigo Fisch. Estamos falando do pólo de pescado instalado no Distrito de Novo Sarandi, onde a empresa Frigo Fish, que está tentando investir, contudo, não consegue, sequer, saber o preço do m2. A empresa emprega hoje mais de 70 trabalhadores e, segundo informações seguras, está com um pé na cidade vizinha de Quatro Pontes, que, de acordo com informações extra-oficiais, já foi aprovada pela câmara daquele município uma Lei destinando área para a empresa, com infraestrutura completa para que a mesma mude de imediato.
Toledo está perdendo empresas III
Para piorar a situação do setor econômico, gerador de empregos, mais sacrificado pela carga tributária, o péssimo atendimento de alguns setores do paço municipal de Toledo, chega a ser “cômico” para não dizer “lastimável”, onde a insubordinação prevalece. Num caso recente teve o absurdo de um empresário do ramo de “laboratório - saúde” que necessitava de simples “vistoria”, teve que acionar o Ministério Público para que essa vistoria fosse realizada. Caros leitores, tirem suas conclusões! A nós cabe o papel de denunciar os fatos, de tornar público para que os próprios “comandantes” de nosso município tomem ciência....durmam com um barulho desses!.
Toledo esta perdendo empresas IV
Fica no ar uma pergunta, para nossos “representantes políticos”, todos, independente das siglas partidárias, mas em especial aos que atualmente detém mandatos ou cargos, os senhores terão coragem de marcar reunião políticas nessas empresas? Opa, 2018 é ano eleitoral. Será?
Quanto vai custar uma diária de um leito para os cofres públicos?
Sobre o Hospital Regional ou será municipal, fazemos uma pergunta aos gestores, quanto vai custar cada um dos leitos desse novo hospital, que o município de Toledo pretende abrir em julho? Vocês já fizeram uma conta? Bom, nós fizemos (esse colunista e o vereador Ademar Dorfschmidt) e chegamos à conclusão de que irão gastar cerca de R$ 2.800,000 reais por dia, somente com o quadro funcional, humano, enquanto no HPS Bom Jesus esse custo fica próximo dos R$ 215,00. Esses embasamentos foram feitos sobre os números apresentados na tal “audiência-reunião pública” do dia 08. Hospital municipal?! E como fica a situação dos municípios da regional?!
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Gente X Poder'

Se despediu

Manifestação e paralisação.

Indícios de irregularidade na nomeação do filho do deputado na EMDUR

Projeto 97 confirma nossas informações: Querem fechar a EMDUR!

Mandado de segurança contra ato do promotor Giovani Ferri

Comando do 19º BPM visita a Gazeta.

Prefeito de Toledo e secretários são multados pelo TCE.PR

EMDUR - administrativamente sem saída?

Os “asnos”

Nota de esclarecimento – Programa Toopedalando

Mais Destaques

Geral

Redes de supermercados contribuem para pobreza no campo, diz estudo

Variedades e Gente

Surge um novo destino turístico próximo das cataratas do iguaçu

Regional

Sebrae aborda vendas a empresas do Oeste

Esporte

GR de Toledo viaja para competição

"Chegamos ao 15 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo. Aqui se propaga - 45 9.91339499"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)