Regional

Alimentos da agricultura familiar sobem 16% em 2017

| 23/02/2018 - 20:20

Alimentos da agricultura familiar sobem 16% em 2017

Mais de 92% do recurso repassado pelo FNDE por meio do PNAE foi destinado à aquisição de alimentos cultivados por agricultores do município; Previsto pela legislação é de no mínimo 30%.
O Governo Municipal tem investido cada vez mais na qualidade da alimentação escolar servida aos mais de 750 estudantes matriculados na rede municipal de ensino. Em 2017, mais de 92% dos R$ 68.716,00 repassados pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), por meio do PNAE (Programa Nacional da Alimentação Escolar), foram destinados à aquisição de gêneros alimentícios cultivados por agricultores do município, enquanto o previsto pela legislação é de no mínimo 30%. O número representa aumento de 16% comparado ao ano anterior. Além deste recurso, o município ainda investiu mais R$ 170.952,65 de recursos próprios para complementação do cardápio.
A priorização na compra de alimentos do pequeno produtor alia a valorização do setor à oferta de uma refeição de qualidade aos estudantes. “Quanto mais cedo se criar hábitos alimentares e de vida saudáveis, mais chances de termos adultos saudáveis. Por isso, priorizamos a qualidade da alimentação através da compra de produtores locais, além da complementação dos recursos investidos para execução completa do cardápio”, pontua a secretária de Educação, Cultura e Desporto, Janaína Müller Geraldi.
Para oferta uma alimentação saudável e adequada, o cardápio dos estudantes é preparado pela nutricionista do município levando em conta o equilíbrio na alimentação e a inclusão de todos os nutrientes necessários para o desenvolvimento da criança ou adolescente. “A alimentação balanceada é fator determinante no desenvolvimento e aprendizado das crianças, já que é comprovado que quando os alunos estão bem alimentados têm mais ânimo e um melhor rendimento escolar, além de formação de hábitos alimentares saudáveis“, salienta a nutricionista, Jussara Garcia Rosa França.
A lista de alimentos entregue às escolas por meio da agricultura familiar contempla uma série de itens, entre eles: verduras, legumes, hortaliças, frutas, geleias, panificados e filé de peixe.
ESTADO NUTRICIONAL - A avaliação nutricional realizada anualmente com todos os estudantes manteve-se a mesma este ano. Os resultados obtidos mostram que 69% dos alunos encontram-se dentro da faixa de eutrofia, ou seja, possuem uma nutrição de boa qualidade. Dos 31% restantes, 15% estão em sobrepeso, 12% em obesidade, 3% em risco de sobrepeso e 1% em magreza.
Após a análise dos resultados, os pais de todos os estudantes foram chamados, individualmente, para serem informados sobre a situação de seus filhos. “É importante que os pais acompanhem o estado nutricional dos filhos e adotem em sua casa hábitos de vida saudáveis, não só na alimentação. Estar atento a saúde dos filhos pode evitar complicações futuras”, ressalta a nutricionista Jussara.
Os alunos com excesso de peso e desnutrição foram encaminhados para a Secretaria de Saúde, para avaliação completa da nutricionista e possível acompanhamento.
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Regional'

Gaeco prende quatro investigadores e um agente de carceragem

Chefe de gabinete da prefeitura é preso pelo Gaeco recebendo dinheiro de empresário

Sistema Fiep premiará ações que contribuem para uma educação de qualidade

Prefeitura apoia projeto do IFPR que levará planetário às escolas

Grande público marcam abertura da Copa Coamo 2019

Inadimplência das empresas teve a menor alta em 18 meses

Empresa incubada no PTI cria aquecedores sustentáveis para aviários da região

Governo do PR repassa informações erradas para a imprensa sobre a data-b

Nova ponte em Foz vai reforçar o comércio entre Paraná e Paraguai

Dois prefeitos lindeiros vencem Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

Mais Destaques
"Já foram 19 milhões que acessaram o site do Jornal Gazeta de Toledo- ISENÇÃO E VERDADE!"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)