Gente X Poder

As “pedaladas” do Lúcio

| 23/04/2018 - 18:30

As “pedaladas” do Lúcio

As "pedaladas fiscais" foi dado à prática do Tesouro Nacional de atrasar de forma proposital o repasse de dinheiro para as autarquias. O objetivo do Tesouro e do Ministério da Fazenda era melhorar artificialmente as contas federais. Deixando de transferir o dinheiro, o governo apresentava todos os meses despesas menores do que elas deveriam ser na prática e, assim, ludibriava tanto o mercado financeiro, quanto especialistas em contas públicas. Essas supostas pedaladas, que foram denunciadas com exclusividade pelo Jornal Estado de São Paulo e Broadcast, mais tarde, como se sabe, não ficaram comprovadas e a ex-presidente livrou-se da acusação do crime fiscal.

As “pedaladas” do Lúcio I

As “pedaladas do Lucio” em Toledo estão ocorrendo em virtude da prática de ressuscitamento do projeto TOOpedalando, comprovadamente prejudicial ao erário público. Estudos feitos há pouco tempo apontam que apenas 5% das ‘magrelas’ eram usadas, a um custo, que lá atrás ficava em R$13.000,00 por mês. Já a nova proposta do alcaide, vai custar aos cofres públicos a bagatela de R$ 32.400,00 por mês, caso venha a ser implantada, pois a concorrência realizada levantou a suspeita de favorecimento, fazendo com que o MP iniciasse investigação.

As “pedaladas” do Lúcio II

A última “pedalada” do Lucio foi à compra de bicicletas para a Guarda Municipal fazer ronda e demais ações de fiscalização. Concordo que esse trabalho seja bem-vindo, entretanto, temos no município mais de 6 motos paradas e cheias de teias de aranhas, além de outros 4 carros novos recém-adquiridos (sem contar as viaturas que em sua maioria param de rodar e são recolhidas às 18h). Aí quando alguém liga para solicitar presença da GM em alguma ocorrência, recebe como resposta: - “Ligue para a PM”. A falta de efetivo como se sabe, não permite sequer o controle do sistema de monitoramento existente. Só não se vê as bicicletas por lá.

As “pedaladas” do Lúcio III

De passagem pela Feira Shopping, realizada na última semana, quem vimos fazendo segurança no evento que é privado? A Guarda Municipal de Toledo. Bom as bicicletas nesses tipos de eventos, onde o trânsito de “pessoas” é grande, poderiam ser bem útil sim. Caro Lucio, “não tenho duvidas”. Responda-me essas porque eu tenho dúvidas: Nos itens 9 e 10 do seu plano de governo estão descritos “Ampliação do vídeo-monitoramento” (e nada mais sobre o trânsito) e “concluir o Hospital Regional até junho de 2017”? Agora estão caçando bruxos para justificar a incompetências na gestão de saúde.... Essas são as piores “pedaladas” já dadas em uma gestão em Toledo. Pior que as da Dilma, que comprovou-se não ter nada com os ajustes fiscais. Agora, você nobre...

Sacanagem de Álvaro Dias

Quando dizemos “vendo a alma pro diabo se for preciso para se manter no poder”, fazemos premissa para o senador Álvaro Dias. Ele teve a insensatez de promover uma reunião, em Brasília, com o maior desafeto do seu irmão Osmar Dias para propor um “acordo” no qual iria pedir a desistência de Osmar na disputa ao governo do estado, para lançar-se ao cargo de senador. Eles têm um acordo de não concorrer um contra o outro − e Álvaro figura em primeiro em primeiro plano se um dos irmãos optar por uma vaga no Senado. Existe uma revolta muito grande por parte dos pedetistas e, caso isso venha acontecer, será o fim do PDT no estado do Paraná, pois Osmar Dias tem a chance mais clara de ser o comandante do Paraná, mesmo contra a máquina de dinheiro dos “ratos”.

Sacanagem de Álvaro Dias I

Vou preservar a fonte, mas replicar um desabafo de um membro do PDT que atua no diretório estadual do partido.

“Estou indignado em ver o Osmar tentando mover o mundo para apoiar o irmão pela unidade familiar e o Álvaro, movendo o mundo para prejudicar Osmar, a ponto de apoiar o seu principal adversário e colocar várias armadilhas no caminho para inviabilizar sua candidatura ao governo. Se temos um projeto viável, é ao governo. Presidência é para alimentar egos. O candidato é vazio, um ator, sem conteúdo, fruto de maquiagens e, literalmente, plásticas, que passam a idéia de algo falso, fora da percepção real. Essa é minha opinião, pelo que acompanho, amparada pela liberdade de expressão insculpida no Inc. IV, art. 5º da CF. Então, não me encham o saco com ameaças de processo ou de que quero provocar briga entre irmãos. Longe disso, se alguém provoca isso, é o Álvaro.

    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Gente X Poder'

Tita x Tita

Xenofobia na Unioeste?

Governo quer desapropriar 24 mil hectares produtivos dos agricultores de Guaira e Terra Roxa

Natal deserto e sem luz?

Demissões atingem o assessor de Governo Carlos Alberto Piacentti

Inquérito “especialidades”

Ressaca eleitoral

Sem habite-se?

Contêineres das irregularidades

10 maneiras de você não jogar seu voto no lixo

Mais Destaques
"Ultrapassamos 16 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo. Aqui se propaga - 45 9.91339499"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)