Estado

Coamo realiza 12º Encontro de Inverno na Fazenda Experimental

| 23/07/2018 - 16:25

O encontro aconteceu na Fazenda Experimental, em Campo mourão (Foto: Divulgação/Coamo)

Com alternativas rentáveis, o inverno pode se tornar lucrativo para o homem do campo. São inúmeras as novidades tecnológicas para passar por esta estação com dinheiro no bolso ou, pelo menos, preparado para um verão mais promissor. Com essa premissa, a Coamo realiza todo ano o Encontro de Inverno da Fazenda Experimental, em Campo Mourão (PR). Neste ano, nos dias 18 e 19 de julho, a 12ª edição trouxe sete estações de pesquisa para centenas de cooperados de toda a área de ação da Coamo no Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul.
É uma oportunidade ímpar, em que os associados conhecem o que há de mais moderno para as culturas de inverno e tem contato com os principais institutos de pesquisa do país. “Temos aqui diversas pesquisas desenvolvidas na Fazenda Experimental e com resultados excelentes. Esse evento é para apresentar os melhores ensaios e preparar os cooperados para produzir mais, gerando renda e qualidade de vida no campo”, afirma o chefe da Fazenda Experimental da Coamo, Lucas Simas.
O gerente de Assistência Técnica da Coamo, Marcelo Sumiya, explica que o objetivo da 12ª edição do Encontro de Inverno foi cumprido. “Em cada edição percebemos o entusiasmo e participação dos associados nas estações. Eles questionam e têm uma boa interação com nossos técnicos e pesquisadores. O que foi apresentado nesta edição será efetivamente aplicado nas propriedades e, percebemos isso pelo interesse que os associados demonstraram nesse encontro, assim como nos demais”, comenta.
Segundo o superintendente Técnico da Coamo, Aquiles de Oliveira Dias, o encontro realizado no inverno tem o objetivo de mostrar aos cooperados alternativas para desenvolver a atividade na propriedade durante o período. “O inverno é uma estação com mais riscos climáticos, dificultando as opções de se obter uma atividade econômica. Por isso, o Encontro na Fazenda Experimental é uma grande oportunidade que os nossos cooperados têm, de conhecer alternativas viáveis para manter o campo lucrativo o ano todo.”
Para o presidente da Coamo, José Aroldo Gallassini, o cooperado precisa se manter atualizado para sair na frente no campo da produção. “O Encontro de Inverno é tão importante quanto o de verão. Sempre sugerimos que o cooperado não deixe a terra descoberta no inverno, pois ele só tem a ganhar. É uma lavoura de risco, mas se ele tiver bons resultados lucrará e, se não der ele ganha na rotação de culturas. A propriedade rural precisa ser encarada como um sistema único, onde as safras se completam.”
O Encontro de Inverno está na 12ª edição. Em dois dias, participaram mais de mil pessoas. Os experimentos envolvem técnicos da Coamo e pesquisadores de instituições públicas e privadas de pesquisas.
No Encontro deste ano foram apresentados os seguintes temas: Resposta da adubação em pastagens de inverno; Planejamento forrageiro e utilização de silagem; Manejo de azevém resistente a herbicidas; Cultivares de trigo; Plantabilidade: fatores que interferem na qualidade do plantio; Como armazenar e conservar concentrado na propriedade; Manejo de mofo branco em soja
Fonte: Comunicação Coamo
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Estado'

Empreiteira Endeal Engenharia é homenageada pelo Ministério da Justiça

Nova lei assegura recursos para o programa de tarifa rural noturna

Mais Destaques
"Já foram 19 milhões que acessaram o site do Jornal Gazeta de Toledo- ISENÇÃO E VERDADE!"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)