Estado

Itaipu supera a marca de 9 milhões de MWh

| 03/12/2018 - 16:35

Mauro Corbellini (Foto: Divulgação)

Pela primeira vez na história, a usina de Itaipu conseguiu contribuir com mais de 9 milhões de MWh num mês corrido de 30 dias, em 34 anos e meio, desde o início de operação da hidrelétrica. No melhor novembro do ranking histórico, a geração chegou a 9,28 milhões de megawatts-hora (MWh). Toda essa produção daria para atender uma cidade como São Paulo por quatro meses.
Do início do ano até agora, Itaipu produziu 88,47 milhões de MWh. A produtividade e o desempenho operacional registram números surpreendentes. O índice de disponibilidade das unidades geradoras chegou a 97,97%. A indisponibilidade forçada, índice que mede a impossibilidade das unidades geradoras produzirem por falha de equipamento ou humana, foi de apenas 0,09%. Já a produtividade medida pelo fator de capacidade operativa, índice que mede o aproveitamento da água do Rio Paraná que passou pela usina e efetivamente gerou energia, foi de 99,2%.
Até agora, a produção parcial da usina de Itaipu em 2018 daria para atender o Brasil por dois meses e oito dias ou, ainda, a cidade de São Paulo, por três anos e três meses.
Quando comparada com a geração eólica (energia dos ventos), embora essa fonte seja uma das mais promissoras e que mais cresceu nos últimos anos, a produção de Itaipu em 2018 representa o dobro de toda a geração somada de todo o parque eólico do Brasil neste ano. De janeiro até novembro deste ano as eólicas tiveram uma produção da ordem de 42,4 milhões de MWh, ante 88,47 milhões de MWh da Itaipu.
O diretor técnico executivo, Mauro Corbellini, explica que, em meio a um ano atípico, “com uma produção elevada no início do ano e depois com algumas oscilações, ora por redução na disponibilidade de água, ora por restrições na demanda, a Itaipu e seus parceiros como Eletrobras, ANDE, ONS, Furnas e Copel fizeram o seu melhor para colocar 2018 entre os cinco mais produtivos do histórico”.
Ele diz ainda que 2018 tem chances de ficar entre o quarto e sexto melhores anos de produção da usina. “Para isso, seguiremos com a mesma dedicação neste mês de dezembro que se inicia.”
Em novembro, Itaipu chegou à marca de 2,6 bilhões de MWh de produção acumulada, desde maio de 1984, início da operação – energia suficiente para atender o mundo inteiro por 42 dias.
Fonte: Paraná Informações
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Estado'

Governo do Paraná regulamenta lei anticorrupção

Ratinho pede apoio de Itaipu em projetos de integração da América Latina

Condenação de vereador

Gaeco – Operação Mustela atinge deputado de Marechal Cândido Rondon

BRDE firma cooperação com a Associação dos Municípios do Paraná

Tecpar desenvolve novo dispositivo para hemodiálise

Paraná investe R$ 463,5 milhões em obras de pavimentação

Mario Sergio Cortella é o mais novo Cidadão Benemérito do Paraná

Copel inaugurará a maior eletrovia do país

Paraná inaugura primeiro centro de Segurança Pública do país

Mais Destaques
"Já são 17 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo. Junte-se a quem de fato é lido - invista em propaganda onde sua marca ficará visível 45 9.91339499"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)