AgroGazeta

Milho deve manter preços atuais no Brasil

Agrolink | 07/01/2019 - 14:50

Milho deve manter preços atuais no Brasil

De acordo com projeção da T&F Consultoria Agroeconômica, o mercado interno de milho no Brasil deverá manter nos níveis atuais para a safra de verão até meados de junho. Segundo o analista Luiz Fernando Pacheco, isso ocorre porque a área plantada foi menor, e agora ainda apresenta pequena quebra.

“Com isto, os preços estão subindo e os produtores, entusiasmados, deverão aumentar a área de milho safrinha e, assim, aumentar também a oferta, que, espera-se (esta é a fotografia atual) deverá pressionar os preços, que poderão despencar a partir de julho. Já ouvimos analistas falar que poderão cair abaixo de R$ 32,00 FOB, talvez menos (nos estados do Sul) ou R$ 35,00 CIF preços que não compensarão guardar o produto armazenado”, explica Pacheco.

O especialista aponta que a elevação dos preços das últimas semanas, somada às notícias de problemas climáticos em algumas lavouras, fez com que os vendedores simplesmente saíssem do mercado, à espera de preços melhores: “Negociações de lotes, praticamente nenhuma. O que há é o abastecimento regular de granjas, em pequenos lotes da ‘mão-para-a-boca’, para manter a alimentação diária dos animais”.Já na exportação, destaca ele, os preços estão em queda, embora haja demanda internacional. “A Argentina deve recuperar volume, nos EUA o etanol está com conta negativa, devendo reduzir a demanda interna pelo cereal. Isto deve aumentar os estoques internos americanos e fazer pressão sobre os preços externos. A perspectiva do preço mundial, portanto, é do nível atual, para mais baixo”, conclui.

    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'AgroGazeta'

Transporte de 8,4 mil t de milho vai abastecer Vendas em Balcão no Norte e Nordeste

Iapar lança nova cultivar de feijão nesta quinta-feira

Guerra comercial impulsionou negócios com soja no Brasil

Aumento das exportações de soja podem afetar mercado interno

“Venda milho, segure soja”, diz especialista

BRDE apresenta linhas de crédito para o agronegócio no Oeste do Paraná

Crescimento da área plantada e bom tempo indicam aumento na safra de milho

Estudo aponta cenários para área livre de aftosa sem vacinação

Estados Unidos mandarão equipe de inspeção ao Brasil para autorizar importação de carne in natura

Macedônia do Norte quer aumentar importação de frango do Paraná

Mais Destaques
"18 milhões de acessos no site do Jornal Gazeta de Toledo- ISENÇÃO E VERDADE!"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)