Regional

Terra Roxa emite alerta para “síndrome mão-pé-boca”

| 12/03/2019 - 16:30

Doença contagiosa atinge crianças de até cinco anos de idade; pais devem ficar atentos aos sintomas

A Prefeitura de Terra Roxa, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, emite um alerta à população sobre a incidência de casos da doença conhecida como “mão-pé-boca”, enfermidade contagiosa que ocorre mais frequentemente em crianças com menos de cinco anos de idade, mas também pode acontecer em adultos.
Nos últimos dias algumas crianças foram diagnosticadas com a síndrome em Terra Roxa. Diante dos registros, o Município vem por meio deste orientar e alertar os pais sobre a doença. A Secretaria de Saúde está realizando um levantamento para identificação dos casos.
Os sintomas da síndrome mão-pé-boca só surgem após três a sete dias da infecção pelo vírus e incluem febre superior a 38ºC, dor de garganta e falta de apetite. Após dois dias do surgimento dos primeiros sintomas, aparecem aftas dolorosas na boca e bolhas dolorosas nas mãos, pés e, por vezes, na região íntima, que podem coçar.
O tratamento consiste apenas em tratar os sintomas, pois assim como ocorre em outras doenças provocadas por vírus, ela regride espontaneamente depois de alguns dias. A alimentação, principalmente com alimentos pastosos como purês e mingaus, favorecem melhora a nutrição por serem de mais fácil aceitação pela criança que já está com “dor de garganta”. A hidratação com chás, sucos e outros líquidos gelados, são fundamentais para manter a boa hidratação do organismo, uma vez que podem ser ingeridos em pequenos goles.
Outro fator importante, para o tratamento é o repouso, que auxilia o organismo a gastar energia apenas para a recuperação da doença. O paciente, deverá ficar afastado de escolas, creches ou trabalho até a cura da doença (que pode levar de 5-7 dias após o início dos sintomas).
Recomendações adicionais
- Nem sempre a infecção pelo vírus Coxsackie provoca todos os sintomas clássicos da síndrome. Há casos em que surgem lesões parecidas com aftas na boca ou as erupções cutâneas; em outros, a febre e a dor de garganta são os sintomas predominantes;
- Lembre-se sempre de lavar as mãos antes e depois de lidar com a criança doente, ou levá-la ao banheiro. Se ela puder fazer isso sozinha, insista para que adquira e mantenha esse hábito de higiene mesmo depois de curada;
- Evitar, na medida do possível, o contato muito próximo com o paciente (como abraçar e beijar);
- Sempre lavar as mãos antes e depois de lidar com a criança doente, ou levá-la ao banheiro. Se ela puder fazer isso sozinha, insista para que adquira e mantenha esse hábito de higiene mesmo depois de curada;
- Evitar, na medida do possível, o contato muito próximo com o paciente (como abraçar e beijar);
- Cobrir a boca e o nariz ao espirrar ou tossir;
- Manter um nível adequado de higienização da casa, das creches e das escolas;
- Não compartilhar mamadeiras, talheres ou copos;
- Lavar superfícies, objetos e brinquedos que possam entrar em contato com secreções e fezes dos indivíduos doentes com água e sabão e, após, desinfetar com solução de água sanitária diluída em água pura (1 colher de sopa de água sanitária diluída em 4 copos de água limpa);
- Descartar adequadamente as fraldas e os lenços de limpeza em latas de lixo fechadas.
Fonte: Ascom/Pref. de Terra Roxa
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Regional'

Gaeco prende quatro investigadores e um agente de carceragem

Chefe de gabinete da prefeitura é preso pelo Gaeco recebendo dinheiro de empresário

Sistema Fiep premiará ações que contribuem para uma educação de qualidade

Prefeitura apoia projeto do IFPR que levará planetário às escolas

Grande público marcam abertura da Copa Coamo 2019

Inadimplência das empresas teve a menor alta em 18 meses

Empresa incubada no PTI cria aquecedores sustentáveis para aviários da região

Governo do PR repassa informações erradas para a imprensa sobre a data-b

Nova ponte em Foz vai reforçar o comércio entre Paraná e Paraguai

Dois prefeitos lindeiros vencem Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor

Mais Destaques
"Já foram 19 milhões que acessaram o site do Jornal Gazeta de Toledo- ISENÇÃO E VERDADE!"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)