AgroGazeta

Norte do Paraná será um polo de inovação no agronegócio

| 15/04/2019 - 06:06

Assunto foi tratado em reunião do governador Ratinho Junior com empresários e lideranças, na Associa

O governador Carlos Massa Ratinho Junior destacou nesta sexta-feira (12), em reunião na Associação Comercial e Industrial de Londrina (Acil), que o Governo planeja transformar o município e a região Norte em um polo de inovação em agritech (tecnologia aliada ao agronegócio). O trabalho engloba Celepar, BRDE, Fomento Paraná, Secretaria de Estado de Agricultura e Abastecimento, as universidades estaduais e parcerias com a prefeitura e entidades da sociedade.
Londrina tem potencial para ser a grande aceleradora desse projeto no Paraná, acredita o governador. “A cidade tem se transformado em um centro de inovação, temos centenas de startups atuando na cidade e o Governo quer potencializar isso. Transformar todo esse trabalho numa grande rede de inovação”, afirmou.
“É o que o mundo vem fazendo, isso gera grandes negócios. É uma vocação que Londrina pode assumir para ela. A agricultura está saindo da enxada e migrando para o computador. O Paraná, que é um dos maiores produtores de alimento do mundo, tem que ser o líder desse processo de inovação no agronegócio”, completou Ratinho Junior.
Startups - A proposta encontra respaldo no ecossistema de inovação implantado na cidade, que já conta com mais de 400 startups. Ele foi criado para estimular cinco setores da economia local: saúde, agronegócio, tecnologia da informação e comunicação (TIC), química e materiais, e eletrometalmecânica. O modelo foi criado pela Fundação Certi e pelo Sebrae-PR, em parceria com entidades patronais da cidade.
Na avaliação do governador Ratinho Junior, não há menor possibilidade de se pensar em desenvolvimento econômico sem que não esteja associado a estratégias de inovação. “Tivemos no Vale do Silício há alguns dias e estamos dedicados a acelerar as grandes ideias para o agronegócio. Londrina pode ser uma grande capital de inovação do Brasil”, finalizou.
Pautas – No encontro, o governador, empresários e representantes do comércio e da indústria conversaram sobre pautas de interesse da região Norte como obras de infraestrutura viária e no aeroporto, revitalização do Centro de Londrina e integração das forças de segurança para melhorar o combate ao crime. Também esteve na pauta a necessidade de um pedido de apoio à reforma da Previdência.
Segundo o presidente da Acil, Fernando Moraes, há muita expectativa na cidade em torno de questões ligadas ao desenvolvimento econômico. “A principal reivindicação é uma melhoria no quadrilátero central. O governador nos orientou a procurar a Prefeitura para desenvolver um projeto para buscar esses recursos”, afirmou.
Segundo o empresário Valter Orsi, membro do Conselho da Acil, a reunião na sede da entidade demonstra que o Governo quer estar próximo das instituições. “Esse tratamento aberto é muito importante. Sentimos receptividade. O setor produtivo deve gerar riqueza, gerar impostos e atender as demandas da sociedade, principalmente na geração de empregos. Precisamos de uma parceria e percebemos que toda a equipe de Governo está empenhada nisso”, destacou.
Infraestrutura - Em relação à infraestrutura, o governador disse aos empresários que vai apresentar em breve um banco de projetos executivos para a área, incluindo o viaduto da PUC e a duplicação da PR-445 até Mauá da Serra, duas demandas que constam no documento. Ratinho Junior também afirmou que o Estado vai licitar nos próximos dias as obras dos viadutos da Avenida Angelina Ricci Vezozzo, na zona Norte da cidade, e o da Bratislava, em Cambé.
Fonte: AEN.
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'AgroGazeta'

China autoriza importação de gordura de porco do Brasil

Começa mais uma campanha de vacinação contra aftosa

Novo Zoneamento Agrícola de Risco Climático da Uva é publicado

Mais Destaques
"Já foram 19 milhões que acessaram o site do Jornal Gazeta de Toledo- ISENÇÃO E VERDADE!"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)