Cidade

Profissionais da saúde participam de capacitação com médicos da SESA

| 15/04/2019 - 00:00

Profissionais ligados à área da saúde de Toledo participaram de uma capacitação.

Na quinta-feira (11) os profissionais ligados à área da saúde de Toledo participaram de uma capacitação no Auditório Acary Oliveira, no prédio da prefeitura. O treinamento foi promovido pela 20ª Regional de Saúde, que trouxe de Curitiba os médicos da Secretaria de Estado da Saúde (SESA) Enéas Cordeiro de Souza Filho e José Carlos Freitas Leite Junior. Eles deram uma palestra sobre o manejo e cuidados com pacientes portadores ou com suspeita de Dengue, Febre Amarela, além da Zika e Chikungunya.
Estiveram presentes mais de 150 profissionais da saúde, incluindo outros municípios da abrangência da 20ª Regional. De Toledo participaram os profissionais da Vigilância Epidemilógica e Ambiental, Controle de Endemias, Unidades Básicas de Saúde (UBS), Mini-Hospital Dr Jorge Milton Nunes e Unidade de Pronto Atendimento (UPA).
Dr Fernando Pedrotti, médico no Departamento de Gestão da Secretaria Municipal de Saúde, alerta que a grande preocupação no momento é com a presença do mosquito Aedes aegypti, visto que é o transmissor tanto da Dengue quanto Febre Amarela. “O último Levantamento de Índice Rápido para o Aedes aegypti apresentou uma média de infestação de 1,4% dos imóveis de Toledo, que pode ser considerada baixa. Porém em alguns bairros o índice chega a 8,5%, o que é extremamente preocupante pois é um risco de uma epidemia”, avalia.
Sobre a Febre Amarela, Pedrotti ressalta a importância de tomar a vacina, que pode ser encontrada em qualquer Unidade Básica de Saúde (UBS). “Em Toledo e região não há registro de casos de Febre Amarela, no entanto ela está presente na região litorânea do Paraná e Campos Gerais. Desse modo todas as pessoas com mais de nove meses de idade e até 60 anos devem estar vacinadas. Atualmente apenas uma dose da vacina contra Febre Amarela é suficiente ao longo de toda a vida”, explica o médico.
O diretor da 20ª Regional de Saúde, Alberi Locatelli, afirma que a participação dos profissionais da saúde de todos os municípios convidados foi bastante expressiva. “Isso nos deixa contentes e motivados a realizar novas capacitações. Os médicos que dão o treinamento hoje são preparados para falar sobre as doenças em questão, tanto o Dr José Carlos quanto o Dr Enéas, que é autoridade máxima no estado sobre este tema”, finaliza Alberi.
Fonte: ASCOM- Prefeitura de Toledo
    SEJA o primeiro a comentar
  • Nome

    E-mail

    Escreva um comentário

Notícias de 'Cidade'

novo site

Livro resgata visão de futuro e trajetória de Willy Barth.

O Brasil recicla menos de 15% dos resíduos industriais e domésticos, orgânicos e não orgânicos.

Construção da sede da APAC em Toledo esta acelerada

Nota de esclarecimento sobre ajuizamento de ação civil pública pelo ministério público em razão da o

NOTA PÚBLICA EM REFERÊNCIA A PROPOSITURA DE AÇÃO CÍVIL POR IMPROBIDADE ADMINISTRATIVA DO MINISTÉRIO

DR. Sandres Sponholz fala sobre o pedido de improbidade do ex-prefeito Beto Lunitti e do atual Lúcio

Edital N° 01/2019

Município de Toledo assina TAC para criação de Coordenação de Defesa e Proteção Animal

Bazar aquece as vendas para o dia das mães em Toledo

Mais Destaques
"Já foram 19 milhões que acessaram o site do Jornal Gazeta de Toledo- ISENÇÃO E VERDADE!"
(Eliseu Langner de Lima - diretor)
Enquete
Tempo Toledo
Cotações
Compra Venda
Dólar comer.
Euro (real)